wigs for women wigs for women wigs for women wigs for women wigs for women wigs for women wigs for women wigs for women wigs for women wigs for women wigs for women paula young wigs wigs wig shampoo short hair wigs wigs wigs
Mosap vai a Belém do Pará e participa do XVII Conafisco

Mosap vai a Belém do Pará e participa do XVII Conafisco

Com o tema “Sonegação Fiscal é Crime. Quem paga a conta é Você” foi aberto na noite desta segunda-feira (28), o XVII Congresso Nacional do Fisco (Conafisco), em Belém (PA). A cerimônia de abertura, realizada na Assembleia Paraense brindou a todos os participantes com apresentações do Coral Fazend’Art e do grupo Sancari de Carimbó.

Na oportunidade, mais de 800 servidores do Fisco estadual e distrital participaram do evento, que contou com a presença de políticos, autoridades e representantes do movimento sindical, confirmando a respeitabilidade e o prestígio alcançados pela Fenafisco, ao longo dos seus 37 anos de trabalho em defesa da administração pública e fortalecimento do Fisco.

Com a palavra, Manoel Isidro dos Santos Neto, a frente da presidência da Federação nos últimos seis anos se despediu, agradecendo a categoria pelos esforços empreendidos em conjunto e pelos objetivos alcançados.

Antônio Catete, presidente do Sindicato dos Servidores do Fisco Estadual do Pará (Sindifisco-PA), cumprimentou os presentes, seguido da fala dos convidados, que deram breves depoimentos relacionados ao XVII Conafisco e ao relevante trabalho desenvolvido pelo Fisco, sobretudo, em tempos em que a sociedade discute mecanismos para a retomada do desenvolvimento nacional. 

Ao longo da abertura solene, shows musicais e de dança alegraram a cerimônia que foi palco para a entrega do Prêmio Cervantes ao deputado federal Rubens Bueno, por sua atuação de excelência no aprimoramento de ações em prol da transparência e eficiência na arrecadação fiscal.

 A noite foi marcada pela palestra magna do professor Doutor Leandro Karnal, que abordou a “Ética e sonegação no Brasil atual”, ocasião em que provocou a refleão sobre o conceito de democracia e a origem da corrupção.

Em sua exposição Karnal apontou aa ética como o único caminho para a liberdade e para a responsabilidade, pois quando nas ações micro se tem um comportamento ético, essas se estendem ao campo macro, como o da política. Dessa maneira, uma posição responsável é primordial para se construir uma cultura que não sonegue.

Karnal ressaltou também que “ao tirar dinheiro do Estado, a sonegação está colaborando para o seu colapso [...] Portanto a vida ética é a vida válida”.

Segundo Manoel Isidro “a abertura superou as expectativas, e a palestra do Karnal provocou reflexões importantes; esse é o objetivo do evento. Iniciamos abordando o comportamento ético, enquanto profissional, pois a falta de ética pode fazer com que cometamos excessos e isso pode prejudicar toda uma população”.

Para o presidente do Sindifisco-PA, Antonio Catete, a troca de conhecimento e informações que o evento proporcionou é válida para conhecer outras realidades e até mesmo oferecer soluções, a partir de experiências positivas de cada delegação. O fortalecimento da categoria é algo essencial, de acordo com Catete, para se enfrentar o cenário de crise.

As dificuldades do atual panorama político, econômico e social do Brasil, também, foram abordadas na fala do presidente eleito da Fenafisco para o triênio 2017-2019, Charles Alcantara, que durante o evento alertou sobre o congelamento de gastos e de como as reformas que vêm sendo aplicadas podem implicar na perda de direitos e estagnação de avanços importantes. Por isso, o presidente eleito foi enfático ao dizer que será de extrema importância “a capacidade de mobilização e coesão da categoria do fisco, que desempenha um papel essencial Estado. A função social do tributo é indispensável para uma vida em sociedade; onde o tributo chega há educação, saúde, segurança. O problema está na má gestão do tributo”.  

O evento segue até o dia 1º de dezembro. Na pauta debates sobre importantes temas de interesse do Fisco e da sociedade, entre os quais Lei Orgânica da Administração Tributária, previdência social no serviço público e transparência na aplicação das receitas públicas e sonegação fiscal

Participaram da mesa de abertura os parlamentares Décio Lima (PT-SC), Celso Sabino(PSDB-PA), Iran Lima (PMDB-PA), o secretário de Fazenda do Maranhão, Marcellus Ribeiro Alves; O presidente da Febrafite, Roberto Kupski; O presidente do Mosap, Edson Guilherme Haubert, presidentes Manoel Isidro, Antônio Catete (realizadores do evento) e outras autoridades.

Saiba mais acessando www.conafisco.org.br

 

Fonte: www.fenafisco.org.br