wigs for women wigs for women wigs for women wigs for women wigs for women wigs for women wigs for women wigs for women wigs for women wigs for women wigs for women paula young wigs wigs wig shampoo short hair wigs wigs wigs
Ofício Circular nº 15/2017

Ofício Circular nº 15/2017

Brasília, 17 de maio de 2017.

Exma. Senhora Deputada
ZENAIDE MAIA- PR- RN

Senhora Deputada

O Instituto MOSAP– Movimento de Servidores Públicos Aposentados e Pensionistas, integrado por centenas de Entidades do Serviço Público Brasileiro (Associações, Sindicatos, Federações e Confederações) dos Poderes Executivo, Judiciário e Legislativo, Federais Estaduais, Municipais e Distrito Federal, tem a honra de dirigir-se a Vossa Excelência para solicitar, em nome de mais de 2 milhões de Aposentados e Pensionistas  a sua especial consideração e apoio à Emenda 135 de autoria do Deputado Arnaldo Faria de Sá, à PEC 287/2016, através da qual busca-se a extinção gradual da Contribuição Previdenciária dos Servidores Públicos Aposentados e ou Pensionistas, instituída pela Emenda Constitucional nº 41/2003 ( Reforma da Previdência  do 1º Governo Lula). É o mesmo conteúdo da PEC 555/2006 - pronta para discussão e votação em Plenário desde 2010, e que teve, por várias vezes, o apoiamento da maioria absoluta dos Líderes Partidários, em abaixo-assinados dirigidos aos Senhores Presidentes da Câmara dos Deputados, e mais de 420 Deputados que solicitaram pauta para votação da referida PEC 555/2006, em plenário nos anos de 2010 a 2016.

A Emenda 135–com assinatura de 219 Senhores Deputados, está fundamentada em argumento do Eminente Professor de Direito Constitucional e ex-Presidente da Câmara dos Deputados, por várias Legislaturas, e ex-Presidente do PMDB – por vários Mandatos, hoje Presidente da República Michel Temer, conforme se verifica em publicação de 2 artigos no ano de 2003, o primeiro “ INATIVOS E DIREITO ADQUIRIDO” e o segundo a “ CONSTITUCIONALIDADE DA EMENDA”, de sua autoria, em anexo

Os aposentados e pensionistas já contribuíram, desde 2004 até hoje, com extraordinário sacrifício, aliás os únicos no mundo a ter que contribuir após aposentadoria que é um ato Jurídico Perfeito, inserido nasCláusulas Pétreas da Constituição vigente, artigo 60, § 4º item 4º.

O Relator da matéria na Comissão Especial – Deputado Arthur Maia, rejeitou a Emenda 135 no mérito. Assim, rogo apoio de Vossa Excelência, para possível destaque da referida emenda quando da votação em Plenário (emenda anexa).

Limitado ao exposto, reitero a Vossa Excelência os protestos da mais alta e melhor estima.

Atenciosamente,

Edison Guilherme Haubert
Presidente do Instituto MOSAP